juntos somos mais fortes

  • Recente

    sábado, 3 de julho de 2010

    Análise - Dia #20




    Holanda - Brasil

    Destaques
    - E nada foi como dantes. O minuto 54 decidiu o jogo. Tudo estava debaixo do controle brasileiro, mas a Holanda marcou e o Brasil não reagiu, acabando eliminado.
    - Os melhores também falham. Júlio César errou no 1-1. Um dos melhores guarda redes do mundo foi um mortal.
    - Dunga já é parte do passado. O seleccionador demitiu-se depois de conhecer o destino da sua selecção neste Mundial. Foi um final triste para o Brasil menos fascinante da história.


    O Melhor
    Sneijder. Provocou o erro de Júlio César no 1-1 e marcou o 2-1 de cabeça. Foi o motor da laranja mecânica.

    O Pior
    Melo. Expulso por pisar Robben sem bola. Um acto de lamentar num jogo deste nível.



    Uruguai - Gana

    Destaques
    - Perdulário Gyan. No minuto 121, o Gana dispôs de um penalti para atingir as meias finais. Gyan atirou à trave.
    - Luis Suárez, outro herói. O jogador do Ajax provocou um penalti no último minuto do prolongamento. Era golo ou penalti e Suárez escolheu o segundo. Acabou expulso mas escolheu bem. 
    - Muslera e Abreu. A glória será para Abreu porque marcou o penalti decisivo à Panenka, mas Muslera também foi importante. Defendeu 2 penaltis.

    O Melhor
    A genialidade de Abreu. É preciso ter algo especial para marcar um penalti como ele o fez nos quartos de final de um campeonato do mundo.

    O Pior
    O azar de Gyan. Era o momento do Gana e de África, podia pela primeira vez uma equipa daquele continente chegar às meias finais, mas a trave colocou-se no caminho.



    4 Final
    Brasil, penta campeão mundial, deixa o Mundial da África do Sul após ser derrotado pela Holanda. No melhor jogo do campeonato do mundo, até ao momento, os canarinhos adiantaram-se no marcador, mas a Holanda conseguiu a reviravolta no resultado, com a ajuda de F.Melo (um auto golo e mais tarde foi expulso).
    No outro jogo, a equipa africana que restava no Mundial perde nas grandes penalidades frente ao Uruguai, que assim atinge as meias finais, onde não chegava desde 1970.

    Sem comentários:

    Enviar um comentário

    Follow by Email