juntos somos mais fortes

  • Recente

    terça-feira, 13 de setembro de 2011

    Jogo com o M. United rende 1,3 milhões

    O Benfica espera realizar amanhã (19h45, Sport TV1) a melhor receita de bilheteira na Liga dos Campeões desde 2006, ano em que defrontou o Barcelona nos quartos-de-final (0-0 na Luz e 0-2 na cidade condal) e arrecadou 2,1 milhões de euros. Desta vez, frente ao Manchester United, as águias contam encaixar uma verba na ordem dos 1,3 milhões de euros.
    Os encarnados irão ainda receber mais um montante pela transmissão televisiva, cujo número só se irá conhecer no final da prova. A verba a que Portugal tem direito terá de ser repartida com o FC Porto, que também participa na Champions.


    Além disso, em caso de vitória, os encarnados recebem 800 mil euros (metade se a partida terminar empatada).

    Nas bancadas, segundo fonte das águias, o embate com os campeões ingleses, finalistas vencidos na Champions na época passada (1-3, diante do Barcelona), devem estar cerca de 64 mil pessoas.

    Ontem à noite, no entanto, ainda faltava vender pouco mais de sete mil ingressos. Quanto ao facto de o recorde de bilheteira não ser batido, fontes das águias contactadas pelo CM frisaram que tal se deve à crise que afecta os portugueses. De acordo com as mesmas fontes, em 2006 havia mais dinheiro disponível, pelo que os bilhetes puderam ser mais caros do que na actualidade. Para o embate com os ingleses, os ingressos mais baratos custam 30 euros e os mais caros 100 (piso 1). Os sócios pagam entre 15 e 45 euros. Já os jovens associados (dos 3 aos 13 anos) terão de despender 7,5 euros.

    in Correio da Manhã

    Sem comentários:

    Enviar um comentário

    Follow by Email